Você já ouviu falar em KPIs ou Indicadores-chave de Performance?  É sobre isso que vamos falar no eBook KPIS: como Transformar dados jurídicos em indicadores de resultado.

Muitas empresas, para alcançar os resultados que desejam, definem seus indicadores e fazem o acompanhamento e análise da performance para chegar aos seus objetivos. O mais interessante é que isso pode ser facilmente aplicado à advocacia.  

Eu sugiro a você ler o eBook que elaboramos exclusivamente para mostrar como transformar dados jurídicos em indicadores de resultado. Verá que o que estou dizendo é verdade. Usar KPIs não é nem um pouco complexo. 

O que são KPIs

KPI é uma sigla em inglês. Traduzida para o português de forma não abreviada, significa Indicadores-chave de Performance. Em geral, são usados para fortalecer o desempenho e tornar possível alcançar alguns objetivos. Escritórios de advocacia e departamentos jurídicos que atuam fundamentados em KPI registram um crescimento mais rápido. Entenda por quê.

Como trabalhar com indicadores de resultado na advocacia

Há profissionais de advocacia que já atuam com KPIs. Portanto, entendem bem como aplicá-los à advocacia. Mas, para os que ainda não detêm total conhecimento sobre esse método, fazer o download do eBook ajudará a compreender como determinar indicadores pode gerar retorno para o escritório de advocacia ou departamento jurídico.

6 indicadores para acompanhar na advocacia

Quais indicadores utilizar para acompanhar os resultados nos escritórios de advocacia e departamentos jurídicos? Essa é, basicamente, a pergunta que resultou nos seis exemplos de indicadores para a advocacia abordados neste eBook. Conheça-os.