Sabemos que o seu interesse em análise jurídica faz com que o termo jurimetria já seja familiar a você. Ainda mais se tem acompanhado o Convex há algum tempo. Nesse período, muito provavelmente, você deve ter visto, lido ou ouvido falar do nosso eBook sobre jurimetria. Agora, lançamos um sobre volumetria. Sim, volumetria. Porque volumetria e jurimetria não são a mesma coisa, embora pareçam.  

Resumidamente:

A volumetria fornece os dados para a análise jurídica de profissionais de advocacia, e não apresenta qualquer resposta pronta acerca dos processos judiciais.

A jurimetria coleta dados com a intenção definir o futuro. Por exemplo, determinar o tempo de duração de um processo, a probabilidade de uma decisão ser favorável ao cliente e se é menos oneroso fazer um acordo ou seguir com o processo.

Esse é só um pequeno spoiler porque é preciso ler o eBook para entender o que é realmente cada uma: 

Mas, uma coisa é certa. Ambas servem para que seja feita uma análise jurídica assertiva no escritório de advocacia ou departamento jurídico. O conteúdo, inclusive, explica justamente como esse tipo de análise jurídica impacta o Direito. Ainda, explica por que usar a tecnologia associada à volumetria. Podemos pontuar alguns tópicos, para você saber de antemão.

Razões para usar uma solução tecnológica para análise jurídica

  • Torna desnecessária a a realização de pesquisas jurídicas de maneira tradicional, ou seja, manualmente, com registro em planilhas.
  • Os dados de mineração contidos nos documentos dos casos, que praticamente não eram percebidos até então, são mais fácil e rapidamente identificados com uma solução tecnológica para análise jurídica.
  • É mais fácil identificar as tendências e padrões em litígios anteriores e a estratégia legal utilizada pelos concorrentes a partir da compilação dos dados gerada por uma solução tecnológica desenvolvida exclusivamente para apresentar a análise jurídica de uma forma que facilita a compreensão de profissionais de advocacia.
  • Algumas respostas estratégicas para a elaboração das táticas jurídicas podem ser obtidas em minutos em uma solução tecnológica desenvolvida somente para atender as demandas do Direito, com rapidez, precisão e economia de tempo. 

Análise jurídica é tendência mundial

Utilizar dados jurídicos para criar estratégias capazes de resultar em decisões favoráveis nos Tribunais não é uma exclusividade do mercado jurídico brasileiro. De fato, escritórios e departamentos jurídicos que trabalham com informações fundamentadas em volumetria seguem uma tendência mundial, reconhecida pelas mais tradicionais instituições de Direito.

Harvard Law School, por exemplo, optou por digitalizar e fornecer acesso online gratuito a 40 milhões de páginas de jurisprudência na biblioteca de Direito como parte de sua iniciativa “Liberte a lei”.  

Em grande das organizações mundiais, profissionais de advocacia já usam os dados de fontes de pesquisa como essa para revisar acordos e concluir transações baseados no que a análise jurídica mostra. Portanto, escritórios de advocacia e departamentos jurídicos que atuam no Brasil também podem se beneficiar muito ao utilizar esse tipo de informação.

Motivos para escritórios e departamentos investir em análise jurídica

  • Coleta de métricas mais efetivas relacionadas às decisões judiciais.
  • Colaboração para a análise de tendências que permeiam o Poder Judiciário.
  • A análise jurídica fomenta escritórios de advocacia e departamentos jurídicos com informações capazes de gerar maior assertividade para as decisões judiciais.
  • É uma forma de otimizar a produção, já que o profissional do Direito consegue observar o comportamento das varas em cada tipo de processo judicial.
  • Escritórios de advocacia e departamentos jurídicos obtêm um outro tipo de conhecimento técnico a respeito dos processos com análise jurídica proporcionada pela volumetria.
  • Profissionais de advocacia podem refinar suas técnicas jurídicas para ter como resultado um número maior de decisões favoráveis.
  • A análise jurídica permite prevenir muitas das situações que se reverteriam em processos judiciais. 

Entenda a volumetria e ganhe em competitividade

O momento atual do Direito requer que escritórios de advocacia e departamentos jurídicos estejam munidos de dados. Está aí a Resolução Normativa (RN) nº 443, da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) para comprovar.

Por essa razão, entender a volumetria e fazer a análise jurídica a partir das informações que ela gera é premente para a advocacia. O eBook Volumetria: como a análise jurídica impacta o Direito fornece todas as informações necessárias para compreender o mundo da análise de dados no Direito. Faça o download e perceba como é possível ganhar competitividade no mercado jurídico a partir dessa tendência.